Postagens antigas

Reflexão: Influenciar ou ser influenciado


Qual tem sido o comportamento dos evangélicos brasileiros no FACEBOOK E OUTRAS REDES SOCIAIS?

 A internet é um meio de comunicação pelo qual podemos evangelizar e levar para todo o mundo a força que cada jovem cristão tem ao proclamar a sua fé em Cristo, tanto nas redes sociais como facebook, blogs e twitter, quanto em outros espaços virtuais. Pensei em inúmeras e diferentes abordagens, mas, numa análise ampla, resolvi perguntar a mim mesmo e observar em meus liderados que tipo de influência temos causado nas outras pessoas. A pergunta certa talvez seja: Temos influenciado ou nos deixado influenciar NAS REDES SOCIAIS?

Ser um jovem conectado nos dá a oportunidade de ser um evangelizador seguindo o modelo do apóstolo Paulo: “ser tudo para todos”. Em qualquer lugar, a qualquer tempo, em qualquer língua ou ferramenta virtual, levar o Cristo que temos dentro de nós e que nos faz a cada dia jovens renovados no Espírito e na Fé.Não é novidade para ninguém que o cristão deve viver à luz da Bíblia e mostrar isso ao mundo (MT 5:14), causando, de alguma maneira, algum tipo de influência sobre os outros. Também não é novidade dizer que hoje em dia a igreja evangélica brasileira tem mais se deixado influenciar do que influencia, mesmo com todo burburinho que às vezes causa na política ou com o "sucesso" da música gospel. Isso pode ser observado nos costumes, comportamento, atitudes, gostos musicais e televisivos e tantas outras características “mundanas” que estão, mais do que nunca, no meio do povo que se intitula “adorador”.Nós, adoradores do século XXI, precisamos recusar toda má influência em nossas vidas e, com nosso testemunho, influenciar outras a se aproximarem de Deus, a amar mais, praticar o bem, ter equilíbrio emocional e sentimental. Precisamos causar algo positivo nos outros. 

Não importa quantas pessoas seremos capazes de influenciar, mas importa que tipo de influência causaremos. Tão importante quanto é saber que a influência causada pelos outros em nós, podem até não mudar em nada a vida deles, mas a nossa pode ser modificada para sempre com isso. Portanto, busquemos a Deus antes de querermos nos levar pelas cabeças alheias ou de querermos ser exemplo para alguém. Que sejamos adoradores que influenciam... Que adoram e levam pessoas a adoração... a Deus, claro!
(Por: Djan Moreno)

Arquivo do blog

VISTANTES


Contador gratis

Postagens populares